terça-feira, 10 de junho de 2014

Segurança no México, Juarez, Cidade do México: lendas e realidade

Juarez foi uma das cidades que fui aconselhada a não ir de maneira alguma. Vi alguns filmes e ouvi muita coisa a respeito. Como o fato de serem desovados corpos a céu aberto no lixão na cidade de Juarez, resultado de assassinatos relacionados com os cartéis de drogas.
Uma coisa é certa. Se os bandidos são lendariamente maus, os policiais são tão assustadores quanto a ideia que se tem dos bandidos. Graças a Deus não conheci nada dos cartéis, a não ser 'ouvir falar'. Mas vi que a polícia mexicana, desde a Cidade do México, passando por Puebla, Vera Cruz até o ponto extremo sul, Chetumal, é realmente bem equipada (todos usam metralhadora, isso mesmo!) e é ostensiva. Você vê. (Aqui em Porto Alegre, por exemplo, você não vê!) Impossível caminhar na capital mexicana sem passar por vários policiais. Saindo da capital, especialmente em Vera Cruz a polícia usa máscaras, a explicação óbvia é que para manter a malandragem na linha eles precisam ter  a liberdade de atirar sem serem identificados. O que tornou Vera Cruz um local bastante seguro.

Outra imagem da polícia.
Fonte: http://enlace.vazquezchagoya.com/nota.php?id=15515

Não quero em momento nenhum endeusar o policiamento, mas mexicanos são espertos. A máscara disfarça e dá liberdade de ação. O turismo traz dinheiro e qual país não quer? Ponto para o engenho deles! 
Postar um comentário